Pesquisa aponta: 61% dos consumidores usam o Google

 

Consumidores usam preferencialmente o Google e as próprias lojas virtuais para fazer pesquisa de produtos no e-commerce. Foto: @freepik
Consumidores usam preferencialmente o Google e as próprias lojas virtuais para fazer pesquisa de produtos no e-commerce. Foto: @freepik

No e-commerce, a pesquisa de produtos é como chamamos as ações de procurar, analisar características, vantagens, desvantagens e preços de produtos feitas pelos consumidores antes de realizarem uma compra. Em geral, essas ações podem ocorrer em canais como o Google, dentro de uma loja virtual ou nas redes sociais, por exemplo.

Seja como for, a busca de produtos abrange as três primeiras etapas da Jornada do Cliente. Isto é, as etapas de Conscientização, Consideração e Intenção. Para ser mais exato, ela ocorre sobretudo na fase de Intenção, que é quando os consumidores já sabem qual o problema que precisam sanar e qual o tipo de produto que pode resolvê-lo.

Neste contexto, os consumidores podem utilizar um ou mais canais para fazer descobertas sobre produtos. No entanto, a maioria ainda prefere o Google. Logo em seguida, você ficará sabendo quais canais, além do Google, também são usados para o propósito. Continue lendo e fique por dentro!

PRINCIPAIS CANAIS DE PESQUISA DE PRODUTOS

De acordo com o estudo “E-commerce Trends 2024” feito pela Octadesck em parceria com o Opinion Box:

  • 61% dos mais de 2 mil consumidores entrevistados fazem pesquisa de produtos no Google;
  • 47% realizam buscas na loja virtual ou aplicativo no qual pretendem comprar;
  • 40% preferem fazer buscas de produtos em várias lojas que já conhecem;
  • 28% pesquisam em sites de comparação de preços como o Zoom ou Buscapé, por exemplo;
  • 27% realizam pesquisa de produtos em sites de reclamação e reputação de marca como o Reclame Aqui;
  • 17% gostam de pesquisar no Youtube;
  • 15% pedem indicação  de algum amigo ou familiar;
  • 14% preferem pesquisar direto no Instagram;
  • 5% fazem pesquisa de produtos no Facebook;
  • 4% realizam buscas de produtos no TikTok;
  • 1% pesquisa em outros canais.

Como se pode observar, além do Google, as lojas virtuais também são muito utilizadas pelos consumidores para fazer pesquisas de produtos. Além disso, as redes sociais, assunto do próximo tópico, têm um papel fundamental nesse quesito. Saiba mais sobre isso adiante!

PESQUISA DE PRODUTOS EM REDES SOCIAIS

Ainda conforme o relatório “E-commerce Trends 2024”, 65% dos consumidores têm o hábito de pesquisar produtos nas redes sociais e 35% não têm. Ademais, vale mencionar, 24% dizem que também usam as redes sociais para realizar compras. Dos consumidores que usam as redes sociais:

  • 67% preferem o Instagram para fazer pesquisa de produtos;
  • 51% fazem pesquisas no Youtube;
  • 37% gostam mais do Facebook;
  • 13% realizam pesquisa de produtos no TikTok;
  • 12% usam o Pinterest;
  • 6% preferem usar o Twitter (X).

Enfim, 69% dos consumidores entrevistados revelaram que já compraram produtos que viram nos anúncios em redes sociais. Por essas e outras, pode valer muito a pena manter páginas em redes sociais como o Facebook e Instagram, por exemplo, e canais em plataformas de vídeos como o Youtube.

SOLUÇÕES

Considerando que os consumidores gostam de fazer pesquisas de produtos você, varejista ou atacadista que atua no e-commerce, deve usar isso ao seu favor. Para tanto, é importante investir principalmente em SEO com o intuito de emplacar as páginas de vendas da sua loja virtual no top 3 das SERPs do Google. Uma boa forma de fazer isso é usar um CMS como o deco.cx, por exemplo, que permite melhorar a velocidade de carregamento das suas páginas melhorando assim o posicionamento delas nas SERPs.

Você também pode melhorar as imagens do seu e-commerce e, desse modo, otimizar a pesquisa visual. De acordo com infográfico da Invesp, mais de 50% dos consumidores dizem que a informação visual é mais importante do que o texto ao fazer compras online. A pesquisa por voz também é importante. De acordo com dados citados pela Ready Cloud, 71% dos proprietários de dispositivos vestíveis preveem que farão mais pesquisas por voz no futuro.

Além disso, é fundamental melhorar o sistema de buscas da sua loja virtual. Com efeito, pode ser uma boa ideia implantar um sistema de buscas inteligente como o VTEX Intelligent Search que conta com recursos como preenchimento automático, merchandising baseado no contexto e pesquisa facetada.

Vídeo: saiba mais sobre pesquisa facetada no e-commerce!

Por último, mas não menos importante, organize melhor as suas redes sociais. Publique posts regularmente, trabalhe com anúncios pagos e responda às dúvidas dos consumidores com agilidade. Isso certamente lhe ajudará a gerar mais leads e clientes para o seu negócio.

SUPORTE PARA IMPLANTAÇÃO DE RECURSOS DE PESQUISA DE PRODUTOS NO E-COMMERCE

Caso precise de ajuda para otimizar a pesquisa de produtos no seu e-commerce, recorra ao suporte da Primize Marketing Digital. A Agência conta com serviços de SEO e Marketing Digital; e de criação, migração, divulgação, consultoria, assessoria e treinamento em e-commerce. Trata-se de uma agência especialista em VTEX e deco.cx, entre outras tecnologias. Para contratar, clique no botão a seguir e inicie uma conversa com a nossa equipe agora mesmo: